26/04/2017 Jasper Perrú

Como uma boa logística pode fazer a diferença no seu e-commerce.

Ganhar uma venda por um bom anúncio, um preço atraente em meio a grande concorrência que as lojas de e-commerce enfrentam hoje já é difícil, e depois disso começa um grande desafio, converter essa venda em outras vendas para um mesmo cliente ou seus conhecidos.

Essa questão assombra muitos lojistas, muitas vezes a primeira coisa que passa pela cabeça para ganhar essas batalhas é diminuir o preço, vender mais barato. O cliente voltar ou indicar uma loja está relacionado à sua percepção da experiência de compra completa, o preço pode ser um fator de decisão momentâneo.

Um dos aspectos mais importantes da experiência de compra para o cliente é receber o produto certo, na quantidade e no prazo correto. Para conseguir entregar isso para todos os clientes os e-commerces precisam se atentar à qualidade do processo logístico, tanto interno quanto externo. Ter um processo bem definido, com fluidez e tratativas adequadas para qualquer situação que possa ocorrer na logística interna e externa é essencial para uma loja virtual. É preciso também pensar se existem ferramentas e acordos consistentes no processo e se a logística está sendo pensada como um todo, e não apenas como a entrega da mercadoria.

A logística interna não é apenas a parte de separação de pedidos e despacho para transporte, ela começa no momento da compra quando, por exemplo, uma ferramenta pode ajudar no cálculo de quais itens é preciso comprar baseado no giro dos produtos; ao receber a nota fiscal e checar se a entrega está 100% consistente com o acordo de pedido; armazenar o produto com estratégia de olha para a curva ABC; considerar como otimizar ao máximo o processo de separação reduzindo passos no estoque para procurar a mercadoria; como consigo conferir de forma consistente se o produto separado é o pedido certo e indicar qual a melhor embalagem para entrega.

Após tratar o fluxo do produto internamente, criar acordos e integrações com operadores logísticos e transportadoras irá gerar maior confiança, rastreabilidade e previsibilidade para a operação. Para o cliente final o terceiro que realiza o transporte é de responsabilidade do e-commerce onde ele realizou a compra, por isso quanto mais próximos e quanto mais informações em tempo real existirem entre as partes, maior a chance de sucesso.

Um ERP pode enviar informações em tempo real para o operador logístico e transportador e em seguida receber as informações para alimentar o fluxo do processo. Com isso todas as pontas do processo são tratadas, desde os dados do rastreio, precificação de frete, etapas do transporte, até o envio de datas para  a loja virtual e portal do cliente de maneira automática. Isso faz com que o processo de comunicação com o cliente seja muito mais eficiente.

O processo de logística interna e externa pode ser um fator decisivo no processo de fidelização de um cliente, um processo eficiente e confiável impacta diretamente na experiência de compra, dar importância a isso fará com que seu e-commerce seja reconhecido pelo bom serviço prestado, o que irá gerar bons frutos.

 

Tagged: , ,

Sobre o autor

Jasper Perrú Jasper Perrú é gerente de produtos da DB1 e possui dez anos de experiência em projetos focados em performance e competitividade para clientes que desejam se estabelecer como os melhores do mercado.